Dicas Unix: DICAS UNIX BRASIL

DICAS UNIX BRASILEIRAS

Bad owner or permissions on /Users/username/.ssh/config

Esta é uma dica que está no forno já tem um tempinho, mas ficou na fila não sei porque. 

Bom, um belo dia ao tentar usar o ssh ( não me lembro se ssh ou git ) recebi um erro deste tipo : 

Bad owner or permissions on /Users/username/.ssh/config

Pode variar também em : 

Bad owner or permissions on /home/username/.ssh/config

Buscando por este problema no amado Google cheguei na seguinte solução. É só setar a seguinte permissão : 


Instalando o Vmware tools no CentOS 5/6 e Red Hat Enterprise 5/6

Um dos processo mais negligenciados nas estruturas utilizando o vmware é a instalação do Vmware tools. Sim, aquela preciosa ferramenta que lhe permite utilizar realmente o Vmware como um todo em suas máquinas virtuais. 

Não vou especificar muito sobre ele aqui já que acredito ser isto muito documentado na internet. Mas vou dar um pequeno passo a passo aqui de comandos que permitem que você instale o Vmware em máquinas CentOS 5/6 e Red Hat Enterprise 5/6 ( já que este passo a passo foi testado com estes sistemas operacionais ). 


Resolvendo o erro "Your boot partition on a disk using the GPT partioning scheme but this machine cannot boot using GPT"

Você feliz vai instalar uma estrutura com o Red Hat 6 e dá de cara com um pequeno empecilho, o fabricante não publicou o driver para o sistema operacional mais novo. 

Success


Instalando um cliente de whois no seu Redhat / CentOS

Sei que muita gente vai achar chatinho algumas dicas que aparecem por aqui mas achei interessante voltar com as famosas dicas rápidas para operação do Linux.

Tentou usar o whois no Fedora / RHEL / Redhat / CentOS / Scientific Linux e ele não deu as caras ? 

# whois 108.162.222.173
-bash: whois: command not found

Não se desespere. Estas versões do Linux  tem um cliente muito bom para este fim , o jwhois ( linha de comando ) e pode ser instalado facilmente utilizando o yum. 

# yum -y install jwhois

Saída do comando : 


Testando portas udp e tcp no Linux

Tudo bem que é uma dica que qualquer um acharia bem fácil na internet, mas vem me quebrando um galho muitas vezes em testes de rede. 

Bom, a primeira é bem tranquila. Como testar uma porta tcp no Linux ? É só usar o comando telnet na porta que você quer testar, como abaixo: 

$ telnet uol.com.br 80 
Trying 2804:49c:319:430::100...
Connected to uol.com.br.
Escape character is '^]'.
get \
Connection closed by foreign host.

Para testar uma porta UDP, é so usar o netcat : 


Como migrar usa base de dados sqlite2 para o sqlite3

Esta dica eu peguei diretamente daqui e realmente é bem útil quando você precisa migrar suas bases do sqlite2 para o sqlite3.

Um motivo de cara que pode ser enxergado é que dispositivos embarcados ( como Androids e Iphones ) usam o  sqlite3 e o PHP, por padrão, usa o sqlite2. 

Assim, é possível navegar com suas bases de um lado para outro. 


Removendo o caracter ^M com o VIM

Esta dica estava meio perdida aqui no meio das minhas tralhas e hoje, quando um colega perguntou como efetuar isto com o VIM lembrei de public ar isto aqui.

Tem uma porrada de dicas por aqui sobre isto, mas sempre vale porque tem arquivo vindo do famigerado Windows sujo e precisamos limpar. 

No VIM, é só usar isto aqui :

:%s/(ctrl-v)(ctrl-m)//g 

E depois <ENTER> 


Dica rápida : backup em fita no Linux

Apesar de hoje o mais profissional é comprar uma boa solução de backup profissional, onde o gerenciamento de backup é mais facilitado, nada impede ainda de algumas corporação optarem pela fita. 

Em geral, são organizações pequenas que fazem os separados por servidores e conseguem se achar neste tipo de solução. Ela tem um custo menor, o que acaba sendo o motivo para se optar por elas.


Juntando dois ou mais pdfs no Linux

Preciso sempre deste comando que acaba sendo uma mão na roda quando eu preciso de juntar mais de um pdf. 
Ou seja, tenho 4 ou 5 pdfs e preciso juntá-los em um só arquivos para enviar para alguém.

O comando é o pdftk , disponível como pacote no Fedora ( que eu uso ) e no Ubuntu .

No Fedora, para instalar é só usar o comando :

$ sudo yum install pdftk -y

Após a instalação, use o comando com a seguinte sintaxe, levando em conta que temos 3 pdfs ( 1.pdf, 2.pdf e 3.pdf ) e vamos juntar no saida.pdf : 


Páginas